Sobre gentileza

Uma palavra sua pode melhorar o dia de outra pessoa. Todos estão enfrentando seus próprios demônios, por isso seja o mais gentil que puder, mesmo que não tenham sido tão gentis contigo.

como é tão fácil pra você

ser gentil com as pessoas ele perguntou

leite e mel pingaram

dos meus lábios quando respondi

porque as pessoas não foram

gentis comigo

Rupi Kaur em Outros jeitos de usar a boca.

Anúncios

Para os introvertidos

Se você é introvertido sinta-se sortudo.

Porque você vê as coisas num nível de amor mais profundo, você sente mais, você tem um grande potencial interno de transformar a dor em arte e você não precisa fechar os olhos para ter a visão da sua utopia.

Se você é introvertido, eu acredito em você, porque você ouve coisas que nem sempre são ditas.

Tradução do artigo do perfil soul online lá no we heart it.

Amor e ódio

Eu te amei mas você me magoou. Agora quero que você parta para longe e nunca mais olhe para trás, aliás, quero que olhe para trás sim, mas só se for pra ver o meu dedo médio erguido na tua direção. Não tens noção de quanto desprezo eu guardo da nossa relação, nem dos momentos bons sou capaz de lembrar, tenho a impressão que esses nunca existiram de verdade, estou cega de ódio e não consigo imaginar que um dia pude ser feliz ao teu lado. Eu falo de ti em cada esquina, não faço nem questão de esconder meu rancor, porque se um dia te amei, eu já esqueci, agora tudo que habita em mim é a raiva e um coração partido.

Eu bato o pé na antipatia, porque fui doce contigo e tivemos um término cruel, talvez se eu for um pouco mais azeda, eu deixe de fazer papel de tola nas minhas futuras relações. Quem sabe um dia eu possa livrar meu peito de toda essa escuridão, ainda tenho esperanças, afinal, já não foi comprovado que amor e ódio nascem e morrem no mesmo lugar? Talvez esse não seja o meu fim mas sim, um novo começo.

 

 

Reparador

tumblr_lnnzlsRILG1qcrxi0o1_500_large

Tua nuca alva;

os cabelos castanhos;

a franja jogada;

os olhos pretos,

dois buracos negros

que eu queria o luxo de mergulhar

e nunca mais voltar.

Fotografei cada detalhe teu,

a ordem de cada um,

está tudo gravado em mim,

ainda aceso na memória.

Pode me chamar do que quiser:

Louco;

Desocupado;

Assustador;

De qualquer forma

todo adjetivo advindo dos teus lábios,

parece-me mais um elogio.

Clara Webler